PMDB tem briga interna por vaga de Brazão na Alerj

Rafhael do Gordo parece agradar mais ao bloco que o vereador Chico Machado

Bloco prefere ex-deputado de São Gonçalo a vereador de Macaé

Por preferência ao sétimo suplente de deputado estadual, Aristeu Rafhael Lima, o Rafhael do Gordo, a bancada do PMDB na Alerj vem se desentendendo. A vaga aberta com a saída de Domingos Brazão para o Tribunal de Contas do Estado pertence ao sexto suplente, o vereador de Macaé Francisco Machado, mas esse ficou frustrado na última quarta-feira quando, atendendo a convocação da Mesa Diretora, apareceu para tomar posse. É que na hora de assumir foi avisado pelo presidente da Assembleia Legislativa, Jorge Picciani de que só sentaria na cadeira se renunciasse o mandato de vereador. Só que Chico, como o parlamentar é conhecido em sua cidade, já havia se despedido da Câmara na sessão do dia 29 de abril e feito o seguinte discurso: “Não farei promessas porque conheço a situação que o estado enfrenta com a crise financeira e a queda dos royalties do petróleo. O certo é que vou lutar pelo interior, que necessita tanto de atenção. ”

Desde antes da saída de Brazão que o sétimo suplente vinha afirmando que assumiria a cadeira de deputado, dizendo que o sexto suplente desistiria para deixar a vaga aberta para ele, que deu até entrevista como deputado. “A minha derrota foi uma pancada muito grande. Mas graças a Deus consegui superar isso. Agora estou animado para trabalhar cada vez mais pelo meu estado”, disse Rafhael ao jornal O Globo. Em outra publicação, no jornal “O São Gonçalo”, o sétimo suplente afirmou no dia 29 de abril: “Estou muito feliz por poder trabalhar pelo município no Parlamento, onde já pude atuar, sobretudo nas áreas de saneamento básico e urbanização. Sei que o governo do estado passa por um momento difícil em termos financeiros, mas acredito que poderei colaborar junto ao presidente da Alerj e ao Pezão por benefícios a São Gonçalo”.

Em 2014 o PMDB elegeu 15 deputados estaduais (Paulo Melo, Fábio Silva, Jorge Picciani, Carlos Roberto  Osório, Domingos Brazão, Gustavo Ferreira, Rafael Picciani, Edson Albertassi, Bernardo Rossi, Daniele Guerreiro, Wagner Carneiro, Pedro Augusto Palareti, Andre Lazaroni, Benedito Alves e Rosenverg Reis), mas como cinco deles se licenciaram dos mandatos para assumir cargos de secretário já haviam sido empossados nas vagas os suplentes Marcelo Simão, Jorge Moreira Theodoro, Jairo Souza Santos, Ana Paula Rechuan e Thiago Monteiro. Com a saída de Brazão para o cargo vitalício de conselheiro do TCE Marcelo Simão – que era o primeiro na lista de suplência – ficou como titular da cadeira e Jorge Moreira, convocado como segundo suplente, passa a condição de primeiro. Pela ordem de classificação Francisco Machado tem o direito a assumir temporariamente o mandato de deputado, só deixando de fazê-lo se realmente abrir mão desse direito em favor de Rafhael, o que até ontem não havia sido divulgado oficialmente.

Matérias relacionadas:

PMDB terá bancada de 15 na Alerj

Cinco suplentes já estão garantidos na Alerj

Gustavo Tutuca abre vaga para Coronel Jairo na Alerj

Pezão põe mais dois suplentes na Alerj

Comentários:

  1. Se o cargo de conselheiro é vitalício por que o mandato do Chico Machado seria provisório? Essa matéria está errada e esse jornalista mal informado.

  2. A matéria está correta e a informação é essa mesma. Chico só seria titular da cadeira desocupada por Brazão e fosse o primeiro suplente. Ele é o sexto nome da lista de suplentes. O titular da cadeira deixada por Brazão é Marcelo Simão, primeiro suplente até então. Todos os suplentes – exceto Marcelo Simão – convocados estão temporariamente nos mandatos e deles saem assim que os titulares deixarem os cargos de secretários dos quais se ocupam nesse momento. Esperamos tê-lo ajudado a assimilar melhor a matéria.

  3. Cara você vai insistir nisso. Essa regra é imposta por lei e não foi o Elizeu Pires que fez essa lei. Ele está apenas nos informando e muito bem por sinal. Vai tumultuar no face, que é o espaço ideal para se dizer sandices e irresponsabilidades.

Deixe uma resposta para Jaime Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.