Novo concurso de Rio das Ostras pode ficar para sucessor fazer

Em de 2013 candidatos aprovados no concurso de 2012 fizeram várias manifestações contra a anulação do processo seletivo

Governo promete realizar o processo seletivo ainda este ano, mas nem o edital de licitação para contratar a empresa que promoverá o certame foi publicado ainda

De acordo com a Prefeitura de Rio das Ostras um novo concurso público para preencher cargos de provimento efetivo será realizado ainda este ano, mas o pouco tempo que falta para terminar o mandato do prefeito Alcebíades Sabino e o atraso nos procedimentos administrativos podem acabar jogando a “bomba” no colo do sucessor. O certame – que é compromisso assegurado no Termo de Ajuste de Conduta que Sabino firmou com o Ministério Público a partir da anulação do concurso de 2012, no qual foram oferecidas cerca de 3.500 vagas – era para ter acontecido em 2015, mas em setembro daquele ano o governo o transferiu para 2016, anunciou que a empresa organizadora seria contratada em janeiro, que o edital do concurso publicado em abril e as provas realizadas em maio, mês que já se encontra no nono dia e até hoje nem o edital de licitação foi divulgado ainda.

Sobre o novo concurso a Prefeitura limitou-se a informar na última quinta-feira em e-mail enviado ao elizeupires.com, que a Procuradoria Geral havia encaminhado a relação de cargos e vagas ao Ministério Público e que priorizaria os setores de Saúde e Educação, oferecendo cerca de duas mil vagas nos cargos de professor I e II, monitor escolar, clínico geral, enfermeiros, pediatra e e cardiologista, entre outras funções. Também informou que edital de licitação para contratar da empresa organizadora “será publicado em até 30 dias e que a previsão “é de que o concurso seja realizado ainda este ano”, sem, entretanto, estipular data certa para nada.

Na verdade ninguém no município acredita que o processo seletivo seja realizado este ano e essa desconfiança é compartilhada até mesmo por membros do governo. Além disso, embora a administração municipal afirme que não há nenhum impedimento legal para certame ser feito, ainda tramitam no Tribunal de Justiça vários recursos impetrados por candidatos contra a anulação do concurso de 2012.

Matérias relacionadas:

Rio das Ostras não dá informações precisas sobre concurso público

Rio das Ostras faz silêncio sobre o concurso prometido

Comentários:

  1. O elizeupires.com é um espaço jornalístico e não um fake de rede social. Temos responsabilidade com o que veiculamos, inclusive com os comentários. Para comentar essa matéria não é necessário ofensas. Comentem, opinem a vontade, mas nada de agressões.

  2. Edital em abril e prova em maio??? Se não me engano, deve haver pelo menos 60 dias da publicação do edital até a realização da prova objetiva. Será que isso mudou ou esse prefeito é que é burro mesmo??? Alguém, se souber, me informe.

  3. Para alguns advogados que conhecem esse processo, o prefeito está apenas ganhando tempo. Eles entendem que não há nada que sustente o decreto de 15 de março do ano de 2013 e que, no final, vai se repetir uma história verificada no município de Nova Friburgo, onde um processo seletivo foi mal anulado e depois de vários anos a administração foi obrigada a convocar os aprovados.amém!!!!!

Deixe uma resposta para Moderador Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.