Lindberg Farias teria comprado decisão judicial

O senador Lindberg Farias (PT), prefeito mais processado de toda a história de Nova Iguaçu, é alvo de mais uma investigação no Supremo Tribunal Federal (STF), dessa vez ele é acusado de ter comprado uma decisão judicial para que não ficar fora da disputa eleitoral de 2008, quando foi reeleito prefeito. Farias renunciou ao mandato no dia 31 de março de 2010 para concorrer ao Senado, deixando um rastro de destruição na cidade, um rombo de mais de R$ 1 bilhão. A matéria completa está na revista Época que circula hoje e pode ser acessada através do seguinte link: http://epoca.globo.com/tempo/noticia/2013/09/maquina-de-bcontar-dinheirob.html

 

Comentários:

  1. Em tempos de embargos infringentes, custo a creditar que alguém como este moleque vá para a jaula um dia. No Brasil, só boi de piranha fica enjaulado. Trazendo a conversa aqui para o nosso quintal mageense, me digam quem ficou mais de um dia na jaula. Não vale funcionários de segundo escalão para baixo.

Envie seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.