Magé concluirá novo concurso até outubro

Processo seletivo será para cargos não contemplados no certame de 2012

O município de Magé vai realizar um novo concurso público para preencher os cargos de atividade fim – de necessidade per- manente – não oferecidos no processo sele- tivo de 2012 e o prazo estipulado para que o processo esteja concluído vai até o dia 30 de outubro deste ano, mas até lá, todas as vagas em cargos ofertados no edital de 2012 que estavam ocupados por contratados tempo- rários terão sido preenchidas pelos classi- ficados para as respectivas funções no último certame. Compromisso nesse sentido está registrado no Termo de Ajuste de Conduta (TAC) assinado em abril do ano passado pelo prefeito Nestor Vidal e os promotores de jus- tiça Vanessa de Jesus Hortega e Tiago Veras. A meta, afirma o prefeito Nestor Vidal, é não ter mais nenhum contratado em função de provimento efetivo, mas para que isso acon- teça, será necessário esse novo concurso.

Segundo o TAC, enquanto o novo concurso não acontecer a Prefeitura poderá fazer contratos temporários para os cargos não oferecidos no processo seletivo de 2012. Isso está explicitado na segunda cláusula do Termo de Ajuste de Conduta. “O município de Magé mantém sua obrigação atualmente vigente no sentido de que não pode contratar nem manter contratados novos funcionários sem concurso público para exercerem as mesmas funções de candidatos aprovados no último concurso, ressalvados os casos de urgência, que são aqueles em que não há mais candidatos aprovados (todos foram convocados) ou casos de cargos que não foram oferecidos no último concurso”, assegura a cláusula segunda.

De acordo com a primeira cláusula, a Prefeitura “se obriga a realizar novo concurso público que abrangerá todos os demais cargos de atividade fim, necessidade permanente, que não foram objeto do último concurso, ou que foram objeto, mas a quantidade de aprovados não foi suficiente para suprir a necessidade da PMM, até o dia 30/10/14, incluindo neste prazo publicação do edital, realização das provas, convocação, nomeação e posse, sob pena de multa diária de R$ 1.000,00”.

 

Documento referente:

Termo de Ajuste de Conduta

Comentários:

  1. Com os concursados ocupando essas atividades fins, o Prefeito Nestor, prepara um Magé do presente, para o Futuro. Acabará com os cabos eleitorais de partidos ou de candidatos dentro do Governo, onde pode favorecer candidados que acham que o poder enama ou vem de herança de família.

    Cabe lembrar que na história do Brasil, existia um Imperador, mas quem comandava era o primeiro Ministro junto com o Parlamento.

    Alguns acham que pode fazer o que quer depois que assumem uma Prefeitura.

    Valeu Prefeito, agora vamos ao desenvolvimento de Magé

    1. Você estar certíssimo meu amigo!! Bom dia Elizeu!! Estou muito feliz por que está previsto um edital de chamada para área da educação na segunda dia 13/01/2013, pela qual aguardo ansioso. Feliz em saber a cada dia que o prefeito esta respeitando a Lei. Magé está sendo preparado para o futuro realmente. Um futuro próspero e digno de uma grande cidade, sem politicagem e cabide eleitoral. Agora o povo precisa reconhecer isso e continuar dando credibilidade ao prefeito e sua equipe. Nós concursados de 2012 que aguardamos os editais de convocação já estamos nos preparando para o trabalho e dispostos a crescer com Magé. Vamos as convocações!!! Chegue segunda-feira!!!! Muito obrigado Elizeu!!

      1. Estou muito ansiosa também, mas o título da matéria que falou da próxima convocação diz assim: “Décima convocação de Magé deverá sair na segunda”

    1. Boa tarde. A matéria é bem clara quando diz:”O município de Magé vai realizar um novo concurso público para preencher os cargos de atividade fim – de necessidade permanente – não oferecidos no processo seletivo de 2012

  2. Sou professora de Língua Portuguesa e sou pós-graduada em Coordenação Pedagógica, por isso torço para que o novo concurso contemple vagas na área de supervisão escolar, seria ótimo adquirir uma segunda matrícula nesse setor.

    1. O município de Magé vai realizar um novo concurso público para preencher os cargos de atividade fim – de necessidade permanente – não oferecidos no processo seletivo de 2012″.

      1. Rita, não teve concurso na área de supervisão escolar, só pra especialistas, que atuam nas escolas na orientação. Você deve ter confundido. São funções diferentes na rede. Bjks e excelente domingo.

  3. Tudo me leva a crer que haverá uma grande chamada pra professor II, pois pelo que muitos dizem que o município tem um grande numero de cargos comissionados e contratos .Até dizem que haveria a possibilidade de chamar todos os aprovados pra professor II que foi de 2.200 e poucos.

    1. Uma coisa é o que dizem e outra é o que realmente é. Todos os contratados que estavam ocupando vagas em cargos oferecidos no concurso de 2012 já foram demitidos. Como o Elizeu Pires sempre diz a pior coisa de Magé é o tal do dizem, do falam por aí, do ouvi dizer. É claro que os que querem entar vão sempre dizer que terá vaga, mas as pessoas esquecem que esse concurso está sendo acompanhado d perto pelo Ministério Público desde o lançamento do edital e o MP já foi devidamente informado de quantos contratos havia em cada função. Repito: uma coisa é o que dizem e em Magé falam muita besteira. Outra muito diferente é a que é.

  4. Inventaram esse concurso só para atapalhar os mageenses que não tem emprego fora da Prefeitura. Esse Nestor e o Ministério Público estão unidos contra os mageenses, mas isso vai mudar quando o Nestor sair.

    1. Meu Deus, que besteira enorme. Isso é uma exigência da Constituição Federal. Magé vinha no erro há muito tempo e agora acabou a tolerância. O que o prefeito está fazendo é enquadrar o município na legalidade.

    2. Acorda minha filha, estamos em 2014. A sociedade exige provas há todo tempo, quem realmente foi acostumado a ganhar tudo de prefeituras por meio de curral eleitoral, quando se depara com uma prova o máximo que consegue é realmente um fracasso. O concursado exige o que é dele, funcionarismo público não é brincadeira, aqui ninguém vende voto em troca de cargos públicos não! Ainda mais quem passou no concurso que possui uma consciência política muito maior que o imediatismo das pessoas bitoladas por governos ridículos. Acorda, sai da internet e vai estudar, quem sabe no próximo concurso você passa.

  5. Eu passei mas nao sei se pela minha classificacao serei chamada,lembro q quando trabalhei ganhamos uma blusa de comemoracao q a prefeitura tinha batido a marca de 5 mil contratos, uma coisa eu digo o imperio acabou hj ficam apenas o q por merito conquistaram,aquela palhacada do ” eu conheco fulano e ninguem mexe comigo”, ja foi…sei q todos precisam trabalhar, mas tb ouvi muita gente dizer q nada mudaria
    O trem da mudancs passou,mas muitos preferiram ficar na estacao.Parabens aos novos servidores!

  6. Em concordância com renascimento: Concordo plenamente com vc, visto que precisamos daquilo que é certo em nosso município. Pessoas concursadas e preparadas para os cargos pelo seu esforço e desempenho. Fico com vergonha quando vejo certos comentários em que as pessoas do próprio lugar torcem para que a história de progresso não ocorra aqui. E que entre quem apostou e se empenhou pelo certo. Vamos estudar meu povo!!!

    1. Boa tarde. A matéria diz que “O município de Magé vai realizar um novo concurso público para preencher os cargos de atividade fim – de necessidade per manente – não oferecidos no processo seletivo de 2012”. A função de agente de obras figurou do concurso realizado em 2012, logo não será parte do próximo concurso.

  7. COMO TEM PESSOAS QUE NÃO VALORIZA O PROCESSO DEMOCRÁTICO DE SELEÇÃO NO SERVIÇO PÚBLICO AS VAGAS SÃO DE AMPLA CONCORRÊNCIA, TODOS INTERESSADOS DEVEM PARTICIPAR DO CERTAME, EU CREIO QUE ACABAR COM O CABIDE DE EMPREGO, “AQUELES QUE POR INDICAÇÃO CONSEGUE UMA VAGA”, DEVERÁ SER META DE UMA GESTÃO PÚBLICA EFICAZ POIS QUEM INGRESSA POR CONCURSO SÃO OS MAIS CAPAZES E PREPARADOS CARA COLEGA( Estimuladora demitida ) ESTUDE VOCÊ TEM CONDIÇÕES DE SER UMA FUNCIONÁRIA EFETIVA SEM DEVER FAVORES A NINGUÉM, ESTUDE VALERÁ A PENA…SE SENIRÁ ORGULHOSA, E ACHO TAMBÉM DEVERIA TENTAR CONCURSO PARA OUTROS CARGOS EM OUTROS MUNICIPIOS, VOCÊ É CAPAZ…. E VIVA A DEMOCRÁCIA E A TRASNPARÊNCIA…

    1. Realmente sou a favor da legalidade e por isso seja correto a utilização de concurso a fim de preencher as vagas oferecidas dentro do nosso município, mas daí dizer que entrarão os “mais capazes e preparados” é um equivoco pois quem acompanhou esta transição percebeu que professores muito mais capacitados foram mandados embora assumindo (não todos, existem exceções ) pessoas sem domínio de turma, faltosos…então me diga passar no concurso, principalmente para educador prova que é mais preparado aonde????

  8. Magé está finalmente tomando um importante passo para se desvencilhar de vez do enorme cabide eleitoral que era a prefeitura, infelizmente muita gente boa vai perder o emprego, contudo sabemos que em sua maioria os contratados são indicações políticas de vereadores que os forçam a pedir votos em troca de emprego.
    Os contratados são fieis cabos eleitorais de nossos parados vereadores que como penduram seus cabos eleitorais na prefeitura sequer se preocupam em trabalhar para se reeleger, simplesmente cobram de seus contratados o voto dos mesmos e de suas famílias.
    A troca dos contratados pelos concursados vai ser saudável para a política mageense pois sem a possibilidade de ofertar emprego em troca de votos e nossos vereadores terão que trabalhar, apresentar projetos para conquistar o voto popular, não terão mais seus fieis cabos eleitorais bancados pelos cofres públicos.
    Sei que há gente competente entre os contratados, gente que não se sujeita a isso mas são minoria.

  9. Discordo com o professor II na espera. Nem todo professor que passou no concurso está preparado para assumir o cargo. sou concursada há muito tempo e conheço muitos professores contratados excelentes, que não passaram no concurso, desculpe-me , mas na minha opinião prova não avalia ninguém.Porque tem professores que foram chamado que nem sabiam que tinham passado. pois, não sabiam nem mesmo somar as pontuações da prova, ficou sabendo somente quando chegou o telegrama. Dentre esses devem ter muitos. O professor contratado que está há tempo deveriam ser avaliados pelo seu trabalho e não pela prova. Fora que vai ficar muitos mageense desempregados e pessoas de fora trabalhando no nosso município. Porque infelizmente Magé não tem um curso preparatório, não tem uma faculdade,como que um mageense vai concorrer uma vaga de concurso com alguém de outro Município. A fonte de emprego de Magé é a Prefeitura, não tem outro, fora que tem muita gente de idade que vai ficar sem emprego.

  10. Prezado Moraes, concordo com você, mas refiro-me que teoricamente, o candidato a concurso público perde horas estudando e se preparando, portanto a minha conclusão “DE SER O MELHOR MAIS PREPARADO PARA O CARGO”, mas como em toda carreira profissional tem os bons e os maus, a minha indagação para nossa colega é ela achar normal, a”segregação” de trabalhadores, pois os que ali estavam muitos eram indicações politicas alguns realmente eram merecedores, mais temos um processo seletivo que atualmente o mais democrático e justo é o concurso público…e ainda existe os estagio probatório e avaliações periódicas que são requisitos para a permanência no cargo estes que citou que não cumprem suas obrigações com certeza não ficarão muito tempo…e eu espero realmente que saiam e dê lugar aos mais interessados para termos um serviço público de qualidade…

  11. A matéria “Décima convocação de Magé deverá sair na segunda” veiculada no dia 7 de janeiro diz: “A próxima convocação de candidatos aprovados no concurso público realizado pela Prefeitura – a décima, desde a homologação do processo seletivo em maio de 2012 – deverá ser oficializada em edital na próxima segunda-feira”. Em nenhum momento o elizeupires afirmou “sairá”. Faz-se necessário enfatizar isso por conta das dezenas de mensagens nos cobrando a convocação como se fossemos nós quem convoca ou deixa de convocar. Vale ressaltar ainda que ainda são 15:20 e a segunda-feira, 13 de janeiro de 2014 ainda não terminou.

  12. muitas bobagens estou ouvindo,só quem sabe e quem esta todo dia no trabalho ,cerca de 80% dos concursados lotados no meu setor de trabalho,faltam mais de 5 vezes ao trabalho,entregam atestados toda semana,eu não sei como ficará o município com 90% de concursados.sei que tinha que ter concurso,mais o município não sta saindo ganhador nessa.

Envie seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.