“Time fraco” estaria comprometendo o novo governo de Japeri: Prefeita estaria com dificuldade de montar equipe e estaria apelando para o improviso

Elizeu Pires

Até o estado da sede do governo municipal é criticado

Embora tivesse prometido uma equipe técnico e uma gestão para a frente, a prefeita Fernanda Ontiveros (PDT), estaria andando para trás. É o que tem percebido observadores mais atentos aos primeiros movimentos da nova gestão no município de Japeri. “O primeiro sinal de falta de quadros está na concentração de cinco secretarias nas mãos de uma só pessoa. Ela é médica e pensava-se que logo de cara ela iria cai dentro da Saúde, mas entregou o setor a um bacharel em direito. Isso sugere duas situações: ela não tem ninguém à altura do cargo ou algum profissional da área recusou convite”, avalia gente que a apoiou na disputa pelo governo municipal.

Se não consegue mostrar serviço por dentro, avaliam, a prefeita precisa pelo menos dar uma nova aparência à sede do governo. “Olha o prédio da Prefeitura como está! Isso é um horror. Em um dia se consegue dar uma melhorada nele, mas nem disso estão cuidando”, completa outro aliado que daqui a pouco deverá estar perdendo a esperança de que as coisas irão mudar por lá.

Para gente próxima à prefeita, Fernanda deveria deixar o “multiuso” secretário de Governo só com essa pasta. “Entregar ao Chico – como se refere a Francisco Nacélio da Silva – cinco setores não é algo que se possa aceitar como normal. Isso fica pior ainda quando se inclui a Secretaria de Saúde”, dispara outro apoiador

*O espaço está aberto para manifestação da Prefeitura de Japeri.

Envie seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.