Casimiro de Abreu: Comunicação da Prefeitura alega uma coisa sob os tablets comprados, mas documento oficial revela outra

Em relação a matéria “Casimiro de Abreu: Tablet no varejo sai mais barato que o comprado por atacado pela gestão do prefeito Ramon Gidalte”, veiculada nesta quarta-feira (5) pelo elizeupires.com, a Assessoria de Comunicação encaminhou nota oficial revelando que o sistema operacional dos tablets comprados para os alunos da rede municipal de ensino é o Android 11, não a versão 9, como a matéria revela.

Entretanto, não é isso que está na ata de registro de preços aderida pela gestão do prefeito Ramon Gidalte e na ordem de fornecimento expedida em favor da empresa Agira Tecnologia Comércio e Serviços no dia 28 de dezembro, assinada pela secretária de Educação Gracenir Alves de Oliveira. O documento oficial publicado no jornal da Prefeitura deixa claro: “Sistema Operacional Android 9”.

Na nota a assessoria diz que o modelo Samsung usado como comparativo tem tela menor e que o equipamento comprado pela Prefeitura tem internet gratuita, mas deixou de explicar que todo e qualquer aparelho desse tipo permite acesso à internet através de wi-fi, e que a empresa fornecedora é mera vendedora de produtos eletrônicos, não uma operadora de telefonia celular ou de internet.

A Agira Tecnologia Comércio e Serviços, portanto, não pode garantir o serviço gratuito. Para que os aparelhos possam funcionar a Prefeitura tem que pagar pelo consumo a uma operadora, e isso jamais estaria embutido no valor pago à fornecedora dos tablets.

A assessoria também não informou a marca dos equipamentos, nem se os tablets já foram entregues na Secretaria de Educação, o que já deveria ter acontecido, uma vez que o pagamento integral pela compra foi feito no dia 30 de dezembro, dois dias após a liberação da autorização de fornecimento.

(elizeupires.com)

Envie seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.