Prefeito de Casimiro de Abreu está “nadando em dinheiro”

Fevereiro também foi de muita grana nas contas da Prefeitura

● Elizeu Pires

“Dinheiro tem, e muito. Agora só falta o prefeito começar trabalhar, mostrar a que veio, tirar do papel o discurso de campanha”.

É mais ou menos isso que se ouve em Casimiro de Abreu, pequeno município do estado do Rio de Janeiro, onde o prefeito Ramon Gidalte pode dizer qualquer coisa para tentar justificar a falta de realizações, menos que não há recursos financeiros.

É que de acordo com os registros do Demonstrativo de Distribuição da Arrecadação, ferramenta do Sistema de Informações Banco do Brasil (SISBB), o mês de fevereiro também foi de muita grana chegando nas contas da administração municipal, um total de R$ 30 milhões em transferências constitucionais, mais que o dobro dos repasses recebidos no mesmo mês em 2021, quando as transferências constitucionais somaram R$ 13,6 milhões.

De acordo com o SISBB, no mês passado os repasses constitucionais chegaram ao total de R$ 30.015.758,56, sendo R$ 19.028.987,89 de royalties pagos pela Agência Nacional do Petróleo (ANP), e os números de fevereiro sugerem que 2022 deverá ser mesmo bem melhor que o de 2021, que, por sua vez, superou 2020 em termos financeiros para a Prefeitura de Casimiro de Abreu, que em janeiro deste ano recebeu R$ 58.929.309,27, em repasses constitucionais, sendo R$ 51.952.065,79 só de royalties.

Conforme já foi revelado pelo elizeupires.com, em 2021 os repasses constitucionais superaram em R$ 62,4 milhões as transferências recebidas em 2020, último ano da gestão do prefeito Paulo Dames. No ano passado os repasses somaram R$ 184,7 milhões, enquanto em 2020 a soma foi de R$ 122,3 milhões.

*O espaço está aberto para manifestação da Prefeitura de Casimiro de Abreu.

Matérias relacionadas:

Caixa de Casimiro de Abreu está cheio. Mas cadê as obras, prefeito?

Casimiro de Abreu: Má gestão faz população sentir saudade de ex-prefeitos

Envie seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.