Mulher do áudio que escandaliza Queimados seria a titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico

A mulher que conversa com o coordenador de articulação na Secretaria de Governo Tubalcaim Machado Café e pergunta se ele já tinha “transferido o dinheiro”, seria Angela Machado de Lima Oliveira, nomeada pelo prefeito Carlos Vilela para o comando da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico. Ela está no cargo desde a exoneração do marido, o primeiro suplente de vereador pelo PSDB, Luis Claudio Sereno de Oliveira, o Taruga (foto), que chegou a exercer mandato por um tempo, mas teve de deixar a secretaria para poder disputar o pleito deste ano.

Taruga é pré-candidato a vereador numa nominada formada em apoio ao pré-candidato à sucessão de Vilela, Lenine Lemos, irmão do deputado estadual Max Lemos. No áudio disponibilizado na matéria Escândalo em Queimados: suposto esquema de “rachadinha” envolve vereador e coordenador da Secretaria de Governo, Taruga diz que o cargo no qual Tubalcaim está nomeado é dele e teria sido dado por Max.

Conforme já noticiado na madrugada deste domingo (3), o áudio que foi vazado na noite de ontem (2,  sugere a existência de um esquema de “rachadinha”, divisão do salário do nomeado com o “padrinho” que lhe garantiu a vaga na Prefeitura.  Na conversa Angela cobra de Tubalcaim a transferência de dinheiro, o que seria parte correspondente ao salário do mês de abril. “Saiu dia 30”, lembra ela, ouvindo como resposta que o cargo não é mais da cota de Taruga.

Documentos em poder do elizeupires.com comprovam que Angela foi nomeada como secretária de Desenvolvimento econômico através da Portaria 528/20, publicada no diário oficial do dia 2 de abril, três dias após a exoneração de Taruga, publicada dia 31 de março.

Nota da Prefeitura –Se pronunciando sobre o assunto a Prefeitura de Queimados enviou há pouco uma nota oficial ao elizeupires.com, na qual confirma queTubalcaim, mais conhecido na cidade como Tubal, realmente está nomeado na administração municipal na Secretaria de Governo, mas está lotado na Secretaria de Cultura, uma vez que é professor de música.

“A Prefeitura Municipal de Queimados sobre os áudios referentes ao servidor Tubalcaim Machado Café informa que o mesmo foi nomeado na secretaria de Governo, mas está lotado oficialmente na Secretaria Municipal de Cultura desempenhando rigorosamente as funções e cumprindo carga horário. O servidor é professor de música e já ajudou a formar centenas de jovens e adolescentes nos cursos do Estação Cidadania. Em poucos minutos de pesquisa na internet, qualquer pessoa consegue encontrar fotos e vídeos que comprovam a atuação ativa do servidor.  O Governo Municipal repudia toda vez qualquer tipo de ilicitude, incluindo as chamadas “rachadinhas”. A Prefeitura de Queimados mantém os salários rigorosamente em dia ao longo dos últimos 12 anos, afinal, além de ser obrigação, é valorizar o servidor público que se dedica no exercer de sua função”, diz a nota.

Comentários:

  1. Pizza, pizza, pizza… Queimados é mais uma vergonha política do Brasil. Tudo podia ser diferente e melhor. Candidatos com o perfil de Bolsonaro devem ser escolhidos nessa proxima eleição, pelo fim da corrupção em Queimados.

Deixe uma resposta para Marcelo Santos Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.