Mesquita: vereadora confirma pré-candidatura a prefeita levando entre suas propostas unidades de emergência em Saúde

Cris projeta pelo menos duas unidades de emergência 24 horas

Há anos que a vereadora Cristiane Pelinca do Amaral, mais conhecida na Baixada Fluminense como Cris Gêmeas, vem batendo na mesma tecla, a falta de atendimento de emergência na rede Saúde de Mesquita. Esta semana, ao confirmar sua pré-candidatura à Prefeitura da cidade pelo PSD, ela voltou ao assunto: “Atendimento de emergência te de ser prioridade”.

Com cerca de 180 mil moradores, Mesquita tem um hospital veterinário com atendimento 24 horas, mas não há na cidade um leito sequer de tratamento intensivo para pacientes de covid-19. Quem precisa de emergência à noite em qualquer caso tem de buscar socorro nos municípios vizinhos. Cris e o grupo político que a apoia propõe a implantação de duas unidades para emergências e urgências médicas.

De acordo com o boletim divulgado no início da noite deste sábado pela Secretaria Estadual de Saúde, Mesquita tem hoje 1.171 casos de covid-19, com 152 mortes confirmadas, um índice de letalidade de 12,95%, mas os números podem ser maiores, pois sem emergência na cidade, mesquitenses acabam entrando na conta da Capital, Belford Roxo, Nova Iguaçu e na do município de Volta Redonda.

Comentários:

  1. A salvação para a cidade de mesquita sera com a vitoria da eleição 2020 para a prefeitura.com a jovem sábia CRIS GÊMEAS.
    Eu e meus seguidores só queremos CRIS GÊMEAS .
    É FATO E PONTO FINAL.
    AMÉM.

  2. A salvação para a cidade de mesquita sera com a vitoria da eleição 2020 para a prefeitura.com a jovem sábia CRIS GÊMEAS.
    Eu e meus seguidores só queremos CRIS GÊMEAS .
    É FATO E PONTO FINAL.
    CHEGA DE ENGANAÇÃO. CHEGA DE FAZER TÃO POUCO E SEM FUNCIONAR NOS 4 ÚLTIMOS MESES DA GESTÃO. O POVO TÁ CANSADO, NÃO AGUENTA MAIS.
    O POVO QUER EM DEFINITIVO A * CRIS GÊMEAS ( PREFEITA ).

  3. É inadmissível essa situação, não podemos aceitar os nossos governantes virarem as costas para a população no assunto à saúde e educação, pois é a maior base política e de grande necessidades ,pois foram essas duas bases que usaram para ser elegerem,mas para onde foram as promessas ,que decepção

  4. Em Mesquita não há respeito com a população, o atual gestor, que de gestor não tem absolutamente nada, só enxerga números em sua frente. Não existe compromisso com a população. Não existe solidariedade com a população, tudo que é oferecido, existe interesses que no final não é a população quem se beneficia. Chega de políticas eleitoreira!!! Passaram-se 3 anos e 6 meses para fazer algo pela cidade. E pior, com a justificativa de que estavam ajustando as contas do município. Mas os contratos de prestação de serviços só aumentaram, o valor da merenda é um absurdo. Contratar um OS para administrar uma UPA porte 2 e entregar a população a Clínica da família que não funciona. Chega de mentiras, chega de enganação, chega e fachada, chega de maquiagem! Volta para Miami, senhor prefeito! Mesquita não aguenta mais!!!

Deixe uma resposta para Adriano Cardoso Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.