Sucessão em Magé já gera conflito no PMDB

Claudio, José Augusto e Ricardo querem ser candidatos a prefeito de Magé pelo PMDB

Segundo o presidente estadual do PMDB, Jorge Picciani, o nome que vai disputar a Prefeitura de Magé em 2016 será definido pelo diretório local, mas forças de fora do município já trabalham por uma imposição, fato que até os dias de hoje não se confirmou na história do partido no município. O maior exemplo disso se deu em 2011, na eleição suplementar, quando o então vice-governador, Luiz Fernando Pezão e o deputado federal Washington Reis, tentaram emplacar como candidato a prefeito o atual vice, Claudio Ferreira Rodrigues, o Claudio da Pakera e foram votos vencidos. Agora, três anos depois e faltando ainda um ano e sete meses para as eleições municipais, Claudio volta a ser indicado para cabeça de chapa pela mesma dupla e Pezão já falou com Picciani que gostaria de ver Claudio candidato a prefeito, ouvindo como resposta um frio “isso precisa ser amadurecido”, o que, em bom português, significa dizer que muita água ainda vai rolar por debaixo da ponte.

Pelo que já começou a ser alinhavado no Rio, uma vaga de deputado federal seria aberta em abril para abrigar o terceiro suplente do PMDB e quinto na coligação, o mageense José Augusto Nalin. Essa costura envolve a quarta suplente da aliança, Laura Carneiro, que renunciaria essa condição para permanecer como vereadora no Rio. Resolvida essa pendência Pezão puxaria mais um deputado da coligação para o governo, entregando a cadeira para José Augusto, que tem hoje a preferência do diretório local para ser o candidato a prefeito pelo partido. A questão é que Nalin tem postura independente e não parece disposto a abrir mão de um projeto maior para ser apenas um suplente no exercício de um mandato que não é seu, sendo mais fácil buscar abrigo em outra legenda que aceitar esse jogo.

Se gente de fora trabalha para uma imposição, partidos como o PR, por exemplo, não farão o mesmo jogo. O Partido da República já converge para a candidatura do deputado estadual eleito Renato Cozzolino Harb a prefeito e, olhando pelo prisma do conflito interno de uma legenda que tem três nomes com a mesma pretensão (Claudio, José Augusto e Ricardo da Karol) o PR está mais firme, mas não é só isso: o PRB trabalha por uma candidatura própria forte, outros nomes ensaiam seus passos por outras legendas, podendo Magé ter uma eleição de prefeito com o maior número de candidatos de sua história e ao PMDB, a continuar esse conflito, poderá restar apenas uma composição como vice.

Matéria relacionada:

Aquecimento para 2016 já começou em Magé

Comentários:

  1. Que seja o Claudio da Pakera, Elizeu. Ele é o adversário que todos querem. Nas duas últimas eleições em Magé ele nunca fez mais que cinco pontos nas pesquisas. Assim vai ser moleza para nós.

  2. Boa tarde a todos !
    Queridos Mageenses erramos duas vezes Péssimo governo Cozzolino ( Família da vergonha ) e o horrível Governo Nestor que desgraçou Magé .
    MUDANÇA vamos tirar o primeira letra do nome N e vamos colocar a J de José Augusto Nalin pelo amor de Deus . Claudio da Paquera tem vínculo com Nestor e por causa da Sec. de Obras. Não renunciou até agora é farinha do mesmo saco e Ricardo da Carol já teve seus dias de glória como vereador de Caxias e Deputado . É só fazer conta José Augusto é o dep. federal mais votado da cidade ele só precisa de 10.000 votos pra se eleger . Pensem !!!! Se Magé afundar José Augusto afunda Junto . Ele é o maior investidor da cidade . Me arrependo de não votado nele .

  3. Para a Maria da Glória – Acho que você tem olhos e não vê. Magé mudou muito com Nestor Vidal. Há muito o que fazer, mas o que esse homem já vez já justifica a sua eleição e reeleição. Comparar ele com os outros é, no mínimo, falta de saber o que está falando.

  4. o Cláudio não tem nada a vê com o Nestor, na verdade os dois são inimigos… eu sempre defendi uma dupla de sucesso, quem sabe fazer no privado, vai saber fazer no Público…. Cláudio Prefeito e Nalim vice… ai sim magé cresce… pq de resto, só políticos profissionais, chega disso!!!

  5. Resposta para o Rafael – Vice e nada é a mesma coisa, Vice não tem mandato, não tem força nenhuma. Vice não é votado. Esse negócio de sucesso na vida privada é muito relativo. O que vejo por ai é um empresário falido, devendo milhões em impostos e multas aplicadas a sua empresa pelo governo federal buscando o poder para se recuperar. Acorda camarada.

  6. Não gosto de ninguém que exige ser chamado de doutor e esse Pakera exige que os empregados dele falem Dr. Claudio. Aliás, doutor em que? Desde quando é preciso ser doutor para vender refrigerante?

  7. Desses ai, o único que acredito e daria voto de confiança seria o Zé auguto Nalin pois está querendo uma
    Chance merece, se for safado também temos que tirar do poder, mas caso venha candidato a prefeito meu voto é da minha família com certeza é del,
    Só preferia que não viesse
    Pelo pmdb

  8. Conheço o Ricardo da Karol e sei o quanto ele é apaixonado por aquilo que ele faz, pessoa simples, humilde e que sempre valoriza a todos,por isso tenho certeza que ele e o melhor para magé.

  9. Boa tarde. O assunto aqui refere-se a nomes em voga para a sucessão municipal em Magé. Incluir pessoas fora do contexto em comentários é mera tentativa de tumultuar o debate.

  10. acho que tem muita gente sonhando, cada um puxando a brasa pra seu lado… na modestia opnião, nenhum deles tem capacidade para administrar Magé, aqui ainda tem muito cacique…

  11. Sonhador voce me parece uma pessoa boa, mas como posso dar credito a uma pessoa que usa as redes sociais com um codinome e nao usa o seu nome verdadeiro. Sou Ricardo da Karol pois a esse eu conheço!
    Ate 2016!!!!!

  12. Olhando os comentários e as pessoas em voga para uma futura candidatura de MAGÉ, eu também aceitaria o RICARDO DA KAROL como meu candidato enquanto não aparecer outro nome este é o melhor para a CIDADE e com certeza vai fazer algo para o POVO.

  13. Embora eu não seja muito simpático ao PMDB, creio que atualmente o melhor nome para ocupar a cadeira de prefeito nas próximas eleições mageenses é José Augusto Nalin, ele tem tudo para fazer de Magé sua plataforma eleitoral para alçar vôos ainda maiores.
    Se fizer uma gestão séria, com uma boa equipe técnica para assessora-lo Nalin vai projetar seu nome na política fluminense e sobrepor seu nome ao fantasma dos Cozzolino que vivem a sombra do que no passado foi o patriarca do clã.

Deixe uma resposta para silvio muniz Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.