Intervenção do MPF faz Macaé convocar aprovados para ESF

O procurador da República Flávio de Carvalho Reis teve uma atuação decisiva nesse processo. Sem ele o resultado do concurso talvez não fosse homologado

Convocados terão de se apresentar a partir dessa quinta-feira

Mais uma vez o posicionamento do procurador do Ministério Público Federal foi decisivo para a prevalência do concurso realizado pelo município de Macaé em 2012 com a finalidade de preencher cargos no programa Estratégia Saúde da Família (ESF). Esse processo seletivo levou quase um ano para ter o resultado final homologado e isso só ocorreu por conta de um procedimento aberto pelo MPF, que também teve de agir para que a primeira chamada de candidatos aprovados acontecesse em abril do ano passado, com uma lista de 150 convocados. Agora, uma semana após o MPF abrir um inquérito para apurar a manutenção de contratados temporários nas funções oferecidas no concurso e intimar o secretário de Saúde (Pedro Reis) para depor, foi divulgado ontem o segundo edital de convocação, que saiu com data retroativa a 15 de janeiro. Segundo uma fonte ligada ao governo, as chamadas só iriam acontecer se a Justiça as determinasse em decisão transitada em julgado. Entretanto a mesma fonte revelou agora a pouco que o prefeito Aluizio dos Santos Junior autorizou o segundo edital para evitar uma possível ação judicial por ato de improbidade administrativa.

Segundo o edital que está disponibilizado no link abaixo, estão sendo chamados 213 candidatos. São 60 agentes comunitários de saúde, 11 auxiliares de saúde bucal, sete motoristas, 50 técnicos de enfermagem, seis assistentes sociais, sete cirurgiões dentistas, 29 enfermeiros, 15 fisioterapeutas, 24 médicos e quatro nutricionistas. Os convocados devem se apresentar entre hoje e segunda-feira na Secretaria de Administração (Avenida Rui Barbosa, 275, Centro), conforme especifica o edital.

A convocação do secretário Pedro Reis foi feita pelo procurador da República Flávio de Carvalho Reis, que iria colher o depoimento no dia 5 de fevereiro. Até o final da noite de ontem não havia informação se o inquérito terá prosseguimento ou não.

 

Documento relacionado

Edital de convocação

Comentários:

  1. Esse fato de a convocação estar justamente com a data limite da resposta do MPF só tem anos mostrar que nada aconteceria de boa vontade por parte da prefeitura… Se assim o MPF quis, assim seja!! Vitória!! Obrigada Elizeu Pires, por ter mantidos nós aprovados sempre informados!

  2. Queria entender o que esse jornalista tem de se meter num assunto de Macaé se ele nem daqui é. Suas matérias, Elizeu, prejudicaram muitos trabalhadores que serão demitidos com essa convocação.

  3. E muitos trabalhadores foram prejudicados com as contratações irregulares! Estude 24 horas por dia, seja aprovada em um concurso Público e depois da não convocação, vc vê sua vaga ( que vc conquistou legalmente) sendo ocupada por pessoas que sequer participaram de um processo seletivo legal! Deppis de passar por isso tudo, reflita no que vc escreveu!

  4. Para a revoltada. Que bom que o Elizeu Pires não é daqui de Macaé. Os “jornalistas” daqui sequer tocaram no assunto. Um jornalista não tem de ser local para abordar os assuntos. Pode ser de qualquer lugar do mundo e falar do assunto de qualquer lugar. Quanto ao Elizeu Pires ele é do Rio de Janeiro, é um grande profissional e tem muita história para contar.

  5. É isso mesmo? Tem gente achando que vai perder emprego contratado por causa da?matéria? Vcs vão perder o cargo contratado pq estavam ocupando no lugar de pessoas que passaram no concurso e que deveriam estar no exercício ee seus cargos, vai reclamar com o MPF e não com um jornalista.
    A lei é clara, aprovado em concurso publico tem direito subjetivo a nomeação se aprovado dentro do número de vagas e dentro do prazo de validade do concurso, caso haja contratos para as funções contidas no edital do concurso dentro do prazo de validade do mesmo cabe até mandado de segurança

  6. Quero dar os parabéns aos aprovados no concurso de macaé…tbm estou passando por essa luta e tenho esperança q vou vencer junto com meus amigos aprovados no concurso público de Rio das Ostras e assumiremos os nossos cargos o qual conquistamos com muito estudo e dignidade.

  7. Elizeu espero que continue com esse trabalho. INFORMO QUE EXISTIAM 25 CONTRATOS TEMPORARIOS DE FISIOTERAPEUTA E SÓ CHAMARAM 15, A INVESTIGAÇÃO TEM QUE CONTINUAR,

Deixe um comentário para jumar Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.