Prefeito de Magé depõe na Câmara nessa segunda

O prefeito Nestor Vidal diz que vai comparecer e responder tudo o que lhe por perguntado pelos membros da CPI

Nestor Vidal diz que vai de peito aberto e que não teme as apurações

Embora o Tribunal de Justiça tenha suspendido os efeitos de todas as sessões realizadas durante o período de recesso pela Câmara Municipal de Magé, pelo menos uma comissão de inquérito está em ritmo acelerado e o prefeito Nestor Vidal está com depoimento marcado para as 9h dessa segunda-feira. De acordo com uma fonte ligada ao Poder Legislativo, tudo indica que, independente da consistência ou não das denúncias, a intenção é mesmo cassar o mandato do prefeito para que o presidente da Casa, Rafael Santos de Souza, o Tubarão, assuma o poder. Ainda de acordo com a fonte, alguns membros da Casa não estariam se sentindo a vontade no processo, mas não retrocederiam numa votação supostamente pelo medo de serem substituídos por suplentes no resto dos mandatos.

O que se comenta nos bastidores é que boa parte dos vereadores não estaria se sentindo com liberdade para decidir de acordo com a consciência de cada. Isso inclusive já foi levado ao conhecimento do Poder Judiciário que ainda esta semana deverá tomar mais uma decisão em relação ao embate entre os poderes Executivo e Legislativo, essa em um segundo processo que tramita no Tribunal de Justiça. “Comparecerei para prestar o depoimento, responder aquilo que me for perguntado. Não temo as investigações de denúncias montadas ou sem consistência, mesmo sabendo que independente do que for apurado ou não a proposta é a de o presidente da Câmara assumir o governo”, disse o prefeito, afirmando ainda que confia na Justiça e que será o Poder Judiciário quem fará isso.

Comentários:

  1. Não existe fundamento para o pedido de afastamento.Haja vista a perda de prazo para a apresentação delas.Agora, resta aos denunciantes arcar com as consequencias da denpuncia.

  2. A audiência serviu para prestar esclarecimentos referentes a prestamistas de serviços de saúde.O Prefeito, como de praxe, solicitou que dirigissem ao CONSELHO municipal de e tambem ao SECRETÁRIO PERTINENTE.Mais uma vez a CAMARA tomou o bonde errado.DESTINOS DIVERGENTES

Deixe uma resposta para bia Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.