Novo concurso de Guapimirim ainda vai demorar

Embora tenha se comprometido com o Ministério Publico, através de um Termo de Ajuste de Conduta (TAC), a realizar um novo concurso público ainda este ano, a Prefeitura de Guapimirim não deverá cumprir o prazo. O processo seletivo vai acontecer, mas isso só deve ocorrer no segundo trimestre de 2014, pois só o edital leva de 45 dias a dois meses para ficar pronto. Depois disso vem o processo administrativo para a escolha da instituição organizadora e os prazos legais para inscrição e o agendamento dos exames. O secretário de Administração Fernando Wallace Maçullo havia dito ao elizeupires.com que o edital seria divulgado em dezembro e que as provas poderiam acontecer em janeiro, mas ontem surgiu a informação que esse cronograma não seria cumprido.

Do concurso realizado no ano passado 565 classificados dentro do número de vagas oferecidas no edital e no cadastro de reserva foram convocados e empossados, concluindo assim o processo seletivo de 2012, cuja validade já expirou. Em termos legais, como o elizeupires.com já havia noticiado, não há mais nenhuma possibilidade de convocações de candidatos classificados no certame do ano passado, pois para isso acontecer seria necessário que o prefeito emitisse um decreto prorrogando a validade, o que teria de ser feito antes do dia 27 de junho, quando o Decreto N.º 951 (de 27 de junho de 2012), foi baixado para homologar o resultado final.

Comentários:

  1. Sempre digo o seguinte, não interessa a nossos governantes a realização de concursos públicos, pois sem eles, nossos governantes podem fazer o que quiserem com seus cabos eleitorais, cumpinchas e financiadores de campanha, transformando assim, a prefeitura na maior empregadora do município. SALVE O MINISTÉRIO PÚBLICO! SALVE O TAC – TERMO DE AJUSTE DE CONDUTA!

  2. Tem que fazer esse concurso rápido para substituir essas pessoas que ainda trabalham na firma Espírita Ecuby doo, se é que ela existe, ou será que é uma firma Fantasma! UUUUUUUAAAAA!!!!!

  3. O concurso anterior, dizem as más línguas, era pra acomodar a cupinchada da Ismeralda. E esse? Teria como alvo dar emprego pros sacatrapas do Marco Aurélio, do pastor e do Getúlio? E será que, com o concurso, vai diminuir o número de contratados ou, como sempre acontece, esse número sempre sobe?
    Independentemente do objetivo do concurso, uma coisa é certa: mais uma vez, pelo imobilismo de sua gestão e descaso de sua equipe, o prefeito comeu mosca e não vai cumprir o prazo para fazer o concurso. Se fosse somente o concurso, tudo bem, mas é com tudo! Guapimirim está parada, andando pra trás. Alô, Ministério Público: vamos colocar mãos à obra? Trabalho não falta!

Deixe uma resposta para Anônimo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.