Câmara de Japeri pode deixar professores sem dinheiro

Bloco de oposição ameaça reprovar proposta de pagamento extra de R$ 2 mil

Os professores da rede municipal de ensino de Japeri e o pessoal de apoio poderão ficar a ver navios neste Natal, deixando de receber em suas contas o resíduo do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Va- lorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), que o pre- feito Ivaldo Barbosa dos Santos, o Timor, pretende dividir entre eles, fazendo o pagamento até o próximo dia 20. É que para que isso aconteça é necessário a aprovação da Câmara Muni- cipal, mas o presidente da Casa, Cesar de Melo e pelo menos mais cinco vereadores, estariam articulando a reprovação da mensagem ou a sua exclusão da pauta do Legislativo. A dis- tribuição do resíduo do Fundeb representará cerca de R$ 2 mil a mais na conta bancária de cada professor e pelo menos R$ 700 para cada funcionário de apoio, mas para que esse di- nheiro seja repassado a eles a Câmara tem de votar a mensa- gem no máximo até essa quinta-feira.

Alertados sobre a intenção da maioria dos onze membros da Casa em não deixar a autorização passar, os servidores que serão beneficiados pretendem ir à Câmara na sessão de amanhã para pressionar pela aprovação. “Não sei o que esses vereadores estão pretendendo. Isso para mim é oposição burra. Se eles não gostam do prefeito é problema deles, mas não podemos ser prejudicados por eles. A lei federal garante que o resíduo pode ser distribuído para nós, mas a Câmara tem de autorizar isso. O prefeito está agindo dentro da lei. Errados estarão os vereadores que ficarem contra isso”, disse hoje uma professora da rede.

Os professores foram informados de que o presidente da Câmara e mais cinco vereadores estariam fazendo o jogo do deputado estadual André Ceciliano – que ainda não teria se recuperado da derrota (a segunda em oito anos) sofrida nas urnas para o atual prefeito no ano passado e estaria fomentando uma espécie de resistência na Câmara para criar dificuldades para o governo.

 

Matérias relacionadas:

Crise entre poderes em Japeri vira caso de polícia

Ataque de fúria em Japeri após recusa de `acerto´

TCE vai devassar contas da Câmara de Japeri

Vereador de Japeri terá de provar que é surdo

Ações sob encomenda em Japeri

Passeios ao nordeste vão custar caro a vereadores

Cara e supérflua 2

Cara e supérflua 

Comentários:

  1. é a pior safra de vereadores dos últimos tempo nesta câmara de Japeri , os de oposição !!! já tem quase 1 ano de mandato e os Cara não fizeram NADA para a cidade , todas as sessões e a mesma coisa ! ” publico presente … estamos fiscalizando o Prefeito ” 1 ano já se foi e os Cara não muda os erro de português , já esta ridículo !!!

Deixe uma resposta para Juca Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.