Ministério Público investiga denúncia de superfaturamento em compra sem licitação feita pela Prefeitura de São Fidelis

A 1ª Promotoria de Tutela Coletiva de Campos dos Goytacazes está apurando a compra de aventais descartáveis feita sem licitação pela Prefeitura de São Fidelis junto à empresa Duplo X Comércio e Serviços. Há suspeita de direcionamento na escolha do fornecedor possível sobrepreço. No inquérito são citados o prefeito Amarildo Henrique Alcântara e o secretário de Saúde, Jaime Petrutes Palagar, que serão convocados para prestar esclarecimentos.

O Ministério Público foi acionado a partir da Ouvidoria do órgão, que recebeu denúncias sobre as possíveis irregularidades. Ao todo a Secretária Municipal de Saúde comprou duas mil unidades de aventais por R$ 101 mil, pagando R$ 5,05 por cada um, quando o preço de mercado oscilava entre R$ 2,50 e R$ 3,00 na época da dispensa de licitação.

*O espaço está aberto para manifestação da Prefeitura de São Fidélis.

Envie seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.