MP pede à Justiça a impugnação de Lindberg Farias

O motivo é a reprovação de suas contas pelo TCE

 

Candidato à reeleição pelo PT, o senador Lindberg Farias (foto) recebeu parecer contrário do Ministério Público Eleitoral em seu pedido de registro. A Procuradoria Regional Eleitoral no Rio de Janeiro representou pela impugnação devido à reprovação das contas de Farias, que foi prefeito de Nova Iguaçu de janeiro de 2005 a março de 2010. De acordo com a Lei da Ficha Limpa, políticos condenados em órgãos colegiados. Em seu despacho o procurador solicitou ao TRE que “seja dada, se necessário, a oportunidade de produzir prova testemunhal e documental”. As contas de Lindberg foram julgadas irregulares devido a uma dispensa de licitação para a assinatura de um contrato com a Fundação Apoio à Universidade do Rio de Janeiro para uma consultoria que custou R$ 1,9 milhão e um superfaturamento de R$ 198 mil no aluguel das vans que transportaram as equipes.

 

Envie seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.