Magé, uma cidade sitiada pelo crime

Bandidos dominam bairros inteiros e a PM fica parada nas esquinas

Manter viaturas paradas em determinados pontos da cidade, principalmente nas vias principais dos distritos que formam o município. Essa é a inteligentíssima estratégia de segurança adotada pelo comando da Polícia Militar em Magé, base do 34º BPM. A genialidade apontada como solução no combate ao crime vem sendo criticada por comerciantes e lideranças comunitárias, mas deve estar sendo bastante elogiada pela bandidagem, que domina bairros inteiros. No bairro Lagoa, por exemplo, a comunidade passou a conviver com marginais desfilando pelas ruas mostrando fuzis e pistolas, novidade por lá, coisa do tempo das Unidades de Policia Pacificadora, as UPPs, que tira as quadrilhas das favelas do Rio, provocando o êxodo de marginais para a Baixada Fluminense.

Na localidade de Piabetá, centro nervoso do município, o número de assaltos aumentou assustadoramente nos últimos meses. Os marginais agem em duplas e usam motocicletas para se locomoverem tranquilamente, pois a estratégia genial é de viaturas paradas com giroflex ligados, como se isso fosse intimidar a bandidagem. “O policiamento hoje é uma piada. O 34º tem um bom efetivo, policiais dedicados, conhecedores de todos os cantos do município, mas essa nova mentalidade dificulta bastante o trabalho deles. A criminalidade aumentou muito em nossa cidade, mas parece que isso não é de conhecimento do comando geral da corporação que, certamente, se for questionado, vai mostrar aqueles manjados gráficos e dizer de uma estatística na qual ninguém acredita”, diz um revoltado comerciante.

Quem passa pela Avenida Santos Dumont, via que liga Piabetá à Estrada Rio-Teresópolis, depara com uma patrulha parada na entrada do bairro Parque Paranhos. Sem poder sair dali os policiais ficam expostos 24 horas por dia e, à noite, se tornam alvos fáceis dos criminosos. Além de estacionar a frota em alguns pontos do município, a genialidade acabou com os DPOs, que funcionavam com viaturas e efetivos próprios. De acordo com algumas lideranças comunitárias, hoje não existe tranquilidade em mais nenhum bairro do município, mas isso só se for para as pessoas de bem, pois os bandidos estão muito tranquilos fazendo o “trabalho” deles a qualquer hora do dia ou da noite.

Comentários:

  1. É verdade Elizeu dizem que hoje os policiais estão proibidos pelo comando de agir , na Comendador Reis está virando um inferno , Lagoa , comandador Reis tiroteio e mortes a luz do dia ,
    Nossos policiais são muito bons , basta mandar prender que farão com o maior prazer .

  2. Num jogo de Xadrez, a estratégia é primordial. Colocar as peças no lugar, dificulta o avanço do adversário.

    Num jogo de Xadrez, quem domina o centro do tabuleiro, tem uma grande vantagem.

    Todos os Mageenses sabem, que a nossa Lagoa é bem diferente da Lagoa do Rio, bairro nobre da cidade do Cristo Redentor. Fica na periferia, ou na bera do tabuleiro.

    No xadrez, temos as Torres que vigiam a periferia do Tabuleiro. Os Cavalos, vão lá, quando é preciso, para não deixar os peões inimigos avançar. Temos até os Bispos que não ficam só rezando, agem!

    A não observância do avanço inimigo pelas laterais, acarreta num ataque direto ao Rei. Quem é o Rei nessa história? É a população! Pela primeira vez, somos Reis. Por isso, solicito ao Comando da Polícia de Magé, para reestudar essa estratégia, para que o adversário não tire onda no nosso Tabuleiro. Se quiser tirar onda na bandidagem em Magé, tem que acabar no Xadrez!

  3. porque motivo não se adota o sistema de come e damiao que consiste em duplas policiando
    determinadas areas , exemplos de locais
    barbuda, maria conga, canal, beira do rio, centro da cidade, lagoa, comendador reis, tenis club
    e outros e só querer pois tem efetivo suficiente para adotar este sistema pois o policiamento ostensivo
    e o melhor para prevenir e prender os bandidos.

  4. O MESMO ACONTECE NO BAIRRO DE PIABETÁ CHAMADO MAITÁ, OS BANDIDOS ANDAM DE MOTOS QUE NÃO SÃO AS POPULARES SÃO MOTOS CARAS COM ARMA EM PUNHO, ONDE PROFESSORES E ALUNOS TEM QUE PASSAR POR ELES PARA CHEGAR NO CIEP MUNICIPALIZADO, JÁ TEVE DIAS DOS BANDIDOS MANDAREM A DIREÇÃO DA ESCOLA FECHAR A ESCOLA MAS POR ORDEM DA SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFESSORES E ALUNOS TEREM QUE FICAR NA ESCOLA PARA CUMPRIR CARGA HORÁRIA. NESSA COMUNIDADE TAMBÉM ESTÁ MUITO DIFÍCIL.

  5. Ué! Estou pensando que Magé é uma cidade Pacata! Sairmos de madrugada para trabalhar e voltamos altas horas da noite e não ficamos sabendo de nada.

    Prá mim é novidade essa onda de assaltos. Claro, Lagoa, só pescando ou indo trabalhar no Leblon.

    Que saudade do Delegado Mão de ferro, Belô e outros que passaram por aqui. Será que os bandidos viraram mais bandidos, isto é se aperfeiçoaram, ou perderam o medo, e os policiais não foram aprimorados?

    É se eu tivesse passado naquela prova da ESFO, eu já era Coronel, aí o bicho ia pegar em Magé.

    Quem tira onda é Côco na Praia! Essa ideia de Cosme e Damião, já foi utilizada antigamente. ESSA EU APROVO!

    1. Está por fora mesmo ,minha amiga, pois Fragoso está perigoso demais. Os “homens de moto” estão atacando a luz do dia e ninguém faz nada. Estamos andando com medo. Só Deus!

      1. Ki, Ki. Em resposta a SOCORRO.
        Nem tudo que reluz é ouro e nem tudo que acaba com “a” é feminino. Marizia é Homem e mora perto do Pico do Itacolomi em Santo Aleixo, que está no PARNASO (Parque Nacional). E por falar em Santo Aleixo, tem um que se chama Sereia que é Macho também.
        Como o assunto aqui é bandidagem, realmente, alguns lugares como Lagoa, alguns pontos de Piabetá, Nova Marília, eram chamados de Perigosos. Infelizmente, como frisou bem o JOGADOR DE XADREZ, os bandidos estão vindos para o meio do Tabuleiro e dando xeque, ou roubando os nossos cheques. Antigamente não tínhamos um batalhão, mas tinham delegados que impunham respeito.
        A estratégia é usar a P2 da Polícia. No exército já trabalhei como S2. Serviço Reservado. Temos bons policiais. A Sacanagem é quando um policial faz alguma coisa errada, toda a corporação paga o pato.
        Nós só lembramos de Deus e a Polícia, quando a coisa esta feia!
        Um abraço Help, digo SOCORRRO! Gostei do tá, tá, tá do Gaguinho.

  6. Isso é verdade Elizeu no bairro onde moro está tendo assalto todas horas, quando sairmos de madrugada está perigoso e não tem ninguém na rua, nem policiais , estão assaltando quatro horas da manhã e da tarde como se fosse algo normal, o governo do Estado do Rio de Janeiro está pacificando as favelas e acabando com a baixada fluminense, sofremos com crimes politicos e com a bandidagem… sinceramente quando vim morar aqui com a minha familia magé era um lugar para se criar filhos hoje vejo jovens liderando bocas de fumo… pelo amor de Deus tem ser feito alguma coisa para acabar com isso…

  7. Sou criado no bairro de Fragoso, e passei a minha adolescência inteira ficando até altas horas na rua ao finais de semana nos bairros da região, e nunca sofri um assalto. Mas é como eu sempre falo… Magé está aos poucos perdendo a únicas vantagens que o município tinha em relação ao resto da baixada. Os moradores sempre se orgulharam de q morar por aqui valia a pena por não ter (muita) bandidagem, mesmo sendo longe de tudo e com pouca estrutura.

  8. Fragoso está perigoso demais, principalmente perto das escolas situadas na Rua J. “Os homens de moto” estão atacando a luz do dia e ninguém faz nada. Os moradores e os profissionais que trabalham próximos estão andando com medo. Só Deus!

  9. Há uma ou duas semanas passadas, li que as autoridades competentes deu uma batida numa pedreira onde vários trabalhadores irregulares trabalhavam fazendo paralelepípedos.
    Num dia foi a Prefeitura e no outro foi o DNPM. Dizem que até a Polícia Federal já andou por lá. Tem ainda IBAMA, DRM, Polícia Florestal e se bobear, a PARNASO que aumentou e chegou a Magé.
    É tanta gente correndo atrás de trabalhador!!!. Também não concordo com o trabalho ilegal. Temos que legalizar esse trabalho, pois os maiores prefeitos de Magé, foram aqueles que fizeram calçamento de pedra.
    Enquanto isso, a garotada do ferro, mas não é o ponteiro, encunhador, marretas, etc, andam por aí sem que ninguém os incomode. Bem, poderiam pegar esses caras dos 38, 39, 40, Ponto 50, AR15 e coloca-los para fazer paralelepípedos. Aí vai aparecer o pessoal dos Direitos Humanos.
    Ué! E os trabalhadores dos paralelos. Não tem direitos. Esses caras das pedras, são artistas e os outros bandidos. Porque correm atrás deles?

  10. Eu tô tô querendo com comprar um si si sítio em Ma Ma Magé. Infe felizmente, já já está tu tudo sítiaa do. Será que que tá tá tá, (calma não é é tiro), tudo domi minado?

    1. Eu já vi gago falando, mas passar a gagueira para escrita foi a primeira vez! Tem de tudo aqui no elizeu.com. De qualquer forma o Gaguinho mandou bem! Muda Magé! Já pensou se além desse estado de coisas, os Cozzolinos ainda estivessem no poder?! Lembro-me que nos anos 80 Piabetá era um lugar temido. É mudar agora ou retroceder para pior! Desejo sorte ao prefeito e aos moradores. Magé merece um futuro melhor.

  11. Moro em Santo Aleixo e semana passada teve um arrastão de madrugada assaltando trabalhadores que estavam no ponto de ônibus para irem trabalhar. Até então eu não sabia que tinham acabado com os DPOS. Isso é uma vergonha!!! Estão assaltando os comércios locais á luz do dia. Já estão abusados demais , está na hora de frear essa bandidagem não acham? Cadê a nossa tranquilidade de autrora SECRETÁRIO DE SEGURANÇA?

    1. Esse arrastão se alastrou pela rodovia inteira, ao menos pelo que tomei conhecimento, até em Santa Dalila houve esse tal arrastão advindo de pessoas que estavam em uma vã. Magé está virando uma vergonha em termos de segurança. É preciso mudar isso antes que piore.

  12. Na comendador bera da linha tá dificil pra nós trabalhador , agora mesmo teve um tiro na rua , tá dificil pra sair de casa de madruga pra trabalha ,cada dia fica pior .

  13. Vi Magé, principalmente , Piabetá (NOVO HORIZONTE, HUMAITÁ, GUARANI, MAURIMARCIA) passar por isso nos anos 80 e inicio dos anos 90. era triste. Perdi muito amigos no crime depois por ação de policiais que não aceitavam foi ficando tranquila e tornou orgulho dos moradores por ser calma.Lamento ver a historia se repetir, agora crio o meu filho, mas se não houver mudança penso seriamente e sair daqui.É TRISTE PENSAR EM ABONDONAR A CIDADE NATAL, CIDADE QUE AMO. VAMOS PEDIR A DEUS QUE OLHE POR NÓS.

  14. Minha gente vou conta um segredo que ninguem conhece. Vc’s acreditam que aqui no bairro onde moro, os puliça fazem seguranca particular para casas de contrucao e a noite o DPO fica fechado a noite toda, o sono deve ser bom pq nao vejo uma viva alma. Moto?!?!?Podem vir andar a vontade por aqui sem carteira e etc, pq aqui é livre o turismo. Xiiii falei baixinho pra ninguem escutar se falar alto nao vai adiantar nada mesmo eles estao no escritorio vendo o bonde passar. Viva Cabral, Viva Pezao politicos altamente serios. (sic)

  15. Engraçado bandido ninguem prende, mais se fosse um caminhão carregando aterro ou barro, ia aparece o Batalhão da PM inteiro pra prende , pois prende trabalhador é facíl , ainda mais quando esse trabalhador não arrega esses PM corruptos de Magé.

  16. Meu bairro que moro desde que nasci, está entregue aos bandidos: o único mercado do campinho foi assaltado! Várias residências já sofreram com furtos e até arrombamento!!!! Animais foram roubados no quintal da minha mãe, registramos e aí???? A primeira bicicleta no meu quintal, registrei. E aí???? A segunda bicicleta no quartinho de ferramentas. E aí???´
    Magé não dispõe de recursos na área da saúde, do lazer e agora a tranquilidade que tínhamos, acabando.
    Campinho precisa de um posto policial urgente!!!!!!

  17. PRÁTICAS QUE DEVEMOS LUTAR CONTRA: MENTIRAS E OMISSÃO, AMBAS NÃO VALORIZAM A VERDADE!
    HOJE MANIFESTA MINHA TRISTEZA E INDIGNAÇÃO A RESPEITO DO AFASTAMENTO/ROMPIMENTO DE CONATO DA PROFESSORA MARIA, DIGA-SE DE PASSAGEM PROFESSORA DE UMA TURMA COM MAIS DE 40 ALUNOS, NO 4º ANO, SENDO QUE PARTICIPEI DA ÚLTIMA REUNIÃO DE PAIS E MESTRES, MAS COM CERTEZA A PROFESSORA NÃO SABIA DA EVENTUAL DECISÃO DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO, QUE EM DESCUMPRIMENTO A LEI E AO BOM SENSO, MANTEM UMA TURMA COM ESTE QUANTITATIVO, PORÉM A PROFESSORA SE MANTEVE FIRME E CUMPRINDO MAIS QUE SUA OBRIGAÇÃO. HOJE SE ENCONTRA DESORIENTADA, DESAMPARADA POR NOSSO GOVERNO!!!
    ENQUANTO AS DECISÕES LOUCAS SÃO TOMADAS, NOSSAS CRIANÇAS FICAM SEM PROFESSORA, COM UM PROFISSIONAL E OUTRO TAMPANDO BURACO E O EMOCIONAL DESSAS CRIANÇAS???
    SE AS MUDANÇAS SÃO NECESSÁRIAS, IGUALMENTE, PLANEJAMENTO E COERÊNCIA!!!!
    QUERIDA PROFESSORA, ESTAMOS JUNTAS!!!!…

  18. Boa Tarde à todos !
    Primeiramente a educação tem que vir de casa, eu carrego comigo e passo aos meus filhos conceitos ensinados pelos meus pais. Agora as pessoas vêem os filhos, sobrinhos, vizinhos, amigos e etc, fazerem coisas erradas e não estão nem aí, ah é só um cigarrinho de maconha é normal, não está prejudicando ninguém, é lógico que está, está ajudando a financiar o tráfico. A criança ou o adolescente chega com alguma coisa de diferente em casa, como uma bicicleta, uma bola e etc, os pais não estão nem aí e os filhos acham que isso é normal, amanhã estão roubando e dizendo que é pra sustentar o vício. Outra coisa, do mesmo jeito que está faltando no PAÍS inteiro Hospitais e Escolas, também está faltando Presídios, aí os presos de “menor potencial”, os que cumprem um terço ou menos da pena e os que pagam fiança voltam pra rua com bastante certeza da impunidade, é isso que dá força aos bandidos A CERTEZA DA IMPUNIDADE, é muito complexo !

  19. se tivessem escolas suficientes com professores dedicados e bem remunerados, com certeza também teríamos menos jovens dedicados ao crime e por outro lado se tivéssemos leis mais rígidas, a queda da maioridade para 16 anos e mais presídios para que o marginal da lei tivesse a certeza de que por qualquer crime ele ficaria preso, cada um com o tempo certo ao respectivo delito aí sim eles poderiam pensar duas vezes, mas não, a polícia militar leva um preso para a Delegacia da Civil pra fazer o registro, aí ou a família já tem um advogado que chega a delegacia antes do preso ou já um daqueles advogados que já ficam esperando um caso na delegacia, pois bem, o preso entra, é feito o registro, aí é dito o valor da fiança, a família faz ratatá ou pede emprestado e paga libertando o sujeito que volta para rua com essa “DÍVIDA”, aí o que o cara faz pra pagar essa dívida ? Vai roubar, matar ou traficar de novo pra levantar esse dinheiro!

  20. Aí levando-se em conta que de quatro delitos ele vai preso uma vez ele se acha no lucro e continua. Então a culpa é de quem ? É minha, é sua, é dos políticos, dos policiais, dos delegados, dos juízes, dos advogados ou dos professores ? Vou responder o que eu penso, É DE TODOS NÓS, temos que todos fazermos a nossa parte, não adianta cobrar se você não faz a sua parte, não espere partir de ninguém, tem de partir de VOCÊ mesmo.

  21. Vou citar um exemplo de erro que já cometi e hoje não cometo mais, eu via uma blitz da polícia e piscava o farol pra todos que vinham no sentido contrário pra avisar, depois parei pra pensar que eu poderia estar avisando a um ladrão, um assassino ou um criminoso qualquer que mais à frente havia uma blitz. Uma vez roubaram um comércio perto de casa e eu vindo do Rio não sabia de nada, passei por uma blitz e como sempre fui avisando (piscando o farol), aí cheguei em casa e soube do acontecido, foi onde pensei, poderia ter sido minha casa, minha família e eu avisei ao ladrão para não passar pela blitz. È muito complexo, e por hora é só. Abraços !

  22. Realmente Magé está sitiada pelo crime, é bandido pra todo lado, é furto, é assalto, é estupro, é falta de saúde, é falta de educação, é falta de transporte descente , é carro pirata, é kombi pirata, é policia omissa,é delegacia que não apura nada, enfim Elizeu fosse está coberto de rasão

  23. Eu vivi isso em fragoso nos anos 80 também toda semana era 2 ou 3 mortos nas ruas (bandidos), quando um tentava abrir uma boca de fumo em fragoso, tomava fumo, os policiais da área tratava logo de dar um basta na situação, nesse mês de dezembro de 2013 morreram 3 meliantes que tentaram roubar na localidade. Magé está precisando um uma política séria, com responsabilidade social, e inclusão dos jovens em projetos de trabalho, esporte lazer e cultura, mas como aprendi no exército a tropa é o espelho do guia, como nosso guia(prefeito) é uma merda, logo somos uma merda de cidade. Quando entrar um prefeito que quer trabalhar com seriedade as coisas irão mudar.

  24. ESSA SEMPRE FOI A ESTRATÉGIA DO PROGRAMA DE SEGURANÇA PÚBLICA.
    AVISAR AOS BANDIDOS ONDE ELES PODEM OU NÃO, ATUAR E FAZÊ-LOS MIGRAR PARA FORA DA “CIDADE MARAVILHOSA”, O CARTÃO POSTAL DO INFERNO.

  25. Me lembro ,quando morei em Mage ,voltava tarde do trabalho… Hoje nem me atrevo a visitar,pois tenho parentes ai que falam da tristeza de morar ai agora com tanta violência…
    E a rede globo que não tanto tempo atrás fez uma reportagem ondei falavam que Magé era uma cidade onde você sentava na pracinha central e via a vida passar pois nada acontencia, já que não tem cinema, nem teatro..

    Agora tem a Violência ,infelizmente.

    Pena de morte ao Brasil e o que desejo..

    Mas se os politicos so roubam imagina que iriam votar contra eles mesmos!

    So Deus!

  26. Será que depois de tantos depoimentos acima, não surge alguém tão competente para tomar uma iniciativa!
    Cadê nossas autoridades (Coronéis, Delegados, Juízes…) mas que “m” de cidade sem governo….

Envie seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.