Prefeito que quer dominar a Baixada é denunciado por fraude com escrituras imobiliárias em cartório de Nova Iguaçu

O ano eleitoral começou péssimo para o prefeito de Duque de Caxias, que, além de lançar uma irmã na disputa pela Prefeitura de Magé, estaria se intrometendo em São João de Meriti, Japeri e Queimados, onde pretenderia indicar pessoas do seu grupo, para tentar derrubar os atuais governantes. Washington Reis (foto), que já tem uma condenação penal em última instância e responde outros processos cíveis e criminais, foi denunciado agora por corrupção, acusado de fazer pagamento em dinheiro vivo para obter escrituras imobiliárias de forma fraudulenta no Cartório d 5º Ofício de Notas de Nova Iguaçu, situação levantada através de inquérito concluído pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro.

A denúncia (confira aqui) à Justiça foi feita através da 11ª Promotoria de Justiça de Investigação Penal da 3ª Central de Inquéritos e inclui Elói de Oliveira Pinto, além do tabelião Josemar Francisco, que teria aceitado uma proposta de R$ 500 mil para fazer a documentação, e recebido, no dia 30 de junho de 2014, uma entrada de R$ 150 mil para iniciar o serviço de "elaboração de escrituras imobiliárias fraudulentas com o objetivo de obter a transferência e registro imobiliários de lotes rurais pertencentes a outras pessoas".

Neta de Nelson do Posto é pré-candidata em Guapimirim

Ela diz que quer realizar os projetos que o avô não teve tempo para tirar do papel

Lígia: "quero ser cuidadora de gente como ele foi" Aos 29 anos de emancipação o município de Guapimirim, no estado do Rio de Janeiro, poderá voltar a ter um membro da Família do Posto – como ficou conhecido o núcleo familiar liderado por Nelson da Costa Mello, o Nelson do Posto – numa disputa eleitoral. Lígia do Posto, neta do primeiro prefeito da história do ex-terceiro distrito de Magé, passou os últimos anos se preparando para isto e está pretendendo concorrer à Prefeitura este ano.

Família Padilha ‘assombra’ Quintal em Pádua

Grupo que ficou quase 30 anos no poder é esperado na disputa desde ano, ainda que indiretamente

Tem gente na cidade torcendo para o ex-prefeito José Renato Padilha apoiar um nome novo Quando, no dia 7 de outubro de 2012 o então prefeito José Renato Padilha foi derrotado nas urnas por Josias Quintal, boa parte dos que militam na política de Santo Antonio de Pádua, cidade do interior do estado do Rio de Janeiro, passou apostar no fim do clã que governou no município por cerca de 30 anos. Quintal, eleito para o primeiro mandato 56,85% dos votos apurados naquele ano, viu sua votação despencar para 37,23% em 2016, conseguindo uma vitória apertada sobre um cantor sertanejo, o ex-vereador Jadir Pereira de Barros Junior, conhecido na região como Jadir Junior, que ficou com 33,92% dos votos.  Agora, passados quase oito anos desde a derrota de José Renato, o que se comenta na cidade é que, pendências judiciais a parte, os Padilha não estão acabados politicamente e podem surpreender no pleito deste ano, ainda que indiretamente.

Fique por dentro das principais datas do Calendário Eleitoral 2020

As etapas do processo eleitoral estão descritas, mês a mês, no cronograma previsto na Resolução TSE nº 23.606/2019

As eleições municipais de 2020 só ocorrerão em outubro, mas a contagem regressiva para o dia da votação começou no fim do ano passado, com a aprovação e a publicação das resoluções do Tribunal Superior Eleitoral que normatizarão o pleito. As etapas do processo eleitoral estão descritas no cronograma previsto na Resolução TSE nº 23.606/2019, que estabelece, mês a mês, as datas do Calendário Eleitoral.

Ex-prefeito de Meriti também estaria de olho em Magé

Inelegível, Sandro Matos estaria buscando um retorno indireto à vida pública

Sandro já anunciou que pretende "ajudar" Ricardo em Magé Não é só o prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis que está de olho na Prefeitura de Magé. Sandro Matos, que governou São João de Meriti por dois mandatos consecutivos, também teria colocado Magé em sua mira. Inelegível, ele anunciou que vai fazer uma aposta tripla em Meriti, já tendo declarado apoio a três pré-candidatos a prefeito, o suplente de vereador Antonio Carlos Cardoso Correa, o Titinho, e os deputados Leo Vieira e Giovani Leite de Abreu, o Ratinho, e que também pretende operar em Magé em favor do pré-candidato Ricardo Correia de Barros, o Ricardo da Karol.

Ex-ministro de Dilma consegue emprego na Prefeitura de Maricá

Celso Pansera foi nomeado para presidir Instituto de Tecnologia

Pansera foi ministro da Ciência e Tecnologia no segundo mandato de Dilma Roussef O ex-deputado Celso Pansera – que comandou o Ministério da Ciência e Tecnologia no segundo mandato da presidente Dilma Roussef – ganhou um emprego na Prefeitura de Maricá, cidade governada pelo petista Fabiano Horta. Celso foi nomeado através da Portaria 002/2020 para o cargo de presidente do Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação de Maricá (ICTIM), criado, segundo o prefeito da cidade, para preparar o município para o pós-sal, "quando Maricá  a cidade deixar de receber capital dos royalties do petróleo".

Sucessão em Queimados começa a ser desenhada

Vice-prefeito deverá candidato contra o governo

Atualmente no PSDB, mas a caminho do DEM, o vice-prefeito de Queimados, Carlos Machado (foto), não faz mais parte do chamado grupo político do deputado estadual Max Lemos, ex-prefeito da cidade. Machado é pré-candidato à sucessão do prefeito Carlos Vilela, que embora tenha dito no ano passado que concorreria à reeleição, poderá ser substituído na disputa pelo atual secretário de Educação, Lenine Lemos, irmão de Max.

Mourão diz que Brasil tem que ser solução, não problema

"Costuma-se se dizer que, em relações internacionais, não existem amizades eternas nem inimigos perpétuos, existem apenas os nossos interesses"

Mourão: "O Brasil, tradicionalmente, sempre se voltou ao mundo de uma forma independente e pragmática. Nós temos que ter essa visão de perseguir os interesses do país" O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, defendeu uma atuação "independente e pragmática" do Brasil no cenário internacional. Em entrevista exclusiva à Empresa Brasil de Comunicação (EBC), nesta sexta-feira (10), ele fez uma breve análise do panorama geopolítico atual, reforçou a ideia de que o país deve buscar uma inserção soberana e colaborativa com as demais nações.

Em decisão sem efeito prático, Justiça anula sessão na qual CPI que cassou prefeito de Magé foi aprovada

Apesar de não apresentar feito prático, uma decisão judicial tomada pelo juiz Marcio da Costa Dantas, da 1ª Vara Cível de Magé, pode representar uma "vitória moral" para um ex-prefeito da cidade. Sentença proferida no âmbito do processo 0000561-73.2016.8.19.0029 (confira aqui) suspende os efeitos da sessão realizada pela Câmara de Vereadores no dia 4 de janeiro de 2016, na qual foi aprovada a comissão processante que três meses depois resultou na cassação do então prefeito Nestor Vidal (foto).

Representando Nestor, o advogado Eduardo Damian argumentou na Justiça que a sessão não poderia ter ocorrido em janeiro porque o início do ano legislativo se dava no dia 15 de fevereiro. A alegação da Câmara foi de que o regimento interno da Casa há previsão do início das sessões legislativas em 4 de janeiro de cada ano, o que contrariaria a Lei Orgânica da Municipalidade, que é a lei máxima dos municípios, funcionando como uma Constituição Municipal.

Vereador de quatro mandatos deverá ser mesmo o candidato a prefeito da família David e do PSD em Nilópolis

Abraãozinho David e Rodrigo Duarte querem o fortalecimento do PSD em Nilópolis O prefeito Farid Abrão ainda não bateu o martelo sobre a disputa pela sua sucessão, mas o ano eleitoral já começou nos bastidores do PSD, que é presidido no município de Nilópolis por Rodrigo Duarte, chefe de gabinete de Farid.

Hoje, o que está evidente, é a indicação o vereador Abraão David Neto, Abraãozinho David – sobrinho de Farid que está cumprindo seu quarto mandato – poderá ser indicado pelo PSD para concorrer a prefeito, se confirmada a abertura de mão do tio, que tem revelado aos mais próximos a intenção de não mais concorrer a cargos eletivos. Com Abraãozinho na disputa majoritária, a intenção é trabalhar para que Rodrigo seja eleito vereador, substituindo Abraão Neto na Câmara.